Conceitos básicos

Este capítulo apresenta os conceitos básicos aplicáveis ao trabalho com todos os elementos do think-cell.

3.1
Barra de ferramentas e menu de elementos
3.2
Inserir elementos
3.3
Girar e inverter elementos
3.4
Redimensionar elementos
3.5
Selecionar elementos e recursos
3.6
Formatação e estilo

3.1 Barra de ferramentas e menu de elementos

Depois de instalar o think-cell, você encontrará o seguinte grupo na guia Inserir da faixa do PowerPoint:

Barra de ferramentas do think-cell no PowerPoint

De agora em diante, vamos nos referir ao grupo da faixa usando o termo barra de ferramentas do think-cell. Usando a barra de ferramentas do think-cell, você pode acessar a maior parte das funções do think-cell.

Observação: Também usaremos de maneira uniforme o termo botão Elementos para mencionar o botão Elementos no PowerPoint e o botão Gráficos no Excel.

Depois de clicar no botão Elementos, os símbolos nas duas primeiras linhas representam os elementos constitutivos para fluxos de processo (consulte Fluxo de processo), vários objetos de desenhos úteis (consulte Ferramentas de apresentação) e slides de pauta (consulte Pauta), enquanto as outras linhas representam os tipos de gráfico (consulte Introdução à criação de gráficos).

Os elementos a seguir estão disponíveis:

Ícone Conhecido como Página
image gráfico de colunas ou barras Gráfico de colunas e gráfico de colunas empilhadas
image gráfico de colunas ou barras 100% Gráfico de 100%
image gráfico de colunas ou barras agrupadas Gráfico agrupado
image gráfico em cascata crescente Gráfico em cascata
image gráfico em cascata decrescente Gráfico em cascata
image gráfico Mekko com unidades gráfico Mekko
image gráfico Mekko com eixo % gráfico Mekko com eixo %
image gráfico de área Gráfico de área
image gráfico de área com eixo % Gráfico de área 100%
image gráfico de linhas Gráfico de linhas
image gráfico de combinação Gráfico de combinação
image gráfico de pizza Gráfico de pizza
image gráfico de dispersão Gráfico de dispersão
image gráfico de bolhas Gráfico de bolhas
image linha de tempo do projeto ou gráfico de Gantt Linha de tempo do projeto (gráfico de Gantt)
image sumário Inserir um sumário
image capítulo Inserir um capítulo
image dividir pauta Várias pautas em uma única apresentação
image caixa de texto Fluxo de processo
image pentágono/divisa Fluxo de processo
image retângulo de cantos arredondados Retângulo arredondado
image Harvey ball Caixa de seleção e Harvey ball
image caixa de seleção Caixa de seleção e Harvey ball

Mais à frente estão image conectores universais para conectar os elementos (consulte Conectores universais para obter mais informações).

Por fim, Mais oferece valiosas ferramentas adicionais (consulte Ferramentas de apresentação) para facilitar seu trabalho cotidiano com o PowerPoint.

3.2 Inserir elementos

Inserir um elemento na sua apresentação é muito semelhante a inserir uma forma do PowerPoint. Para criar um elemento em um slide, vá até a barra de ferramentas do think-cell e clique no botão Elementos. A seguir, selecione o elemento necessário. Você pode notar pequenos marcadores em forma de seta ao redor de alguns dos elementos. Quando você move o mouse sobre esses marcadores, é possível selecionar versões rotacionadas ou invertidas desses elementos.

Se você selecionou por engano algum elemento, você pode fazer o seguinte:

  • Pressione a tecla Esc para cancelar a operação de inserção.
  • Clique novamente no botão Elementos para selecionar um elemento diferente.
Elementos inteligentes de gráficos do think-cell

Depois que você escolher um elemento, aparecerá um retângulo no ponteiro do mouse, indicando onde o elemento deve ser inserido no slide. Você tem duas opções ao posicionar o elemento no slide:

  • Clique com o botão esquerdo do mouse uma vez para posicionar o elemento com a altura e a largura padrão.
  • Mantenha o botão esquerdo do mouse pressionado e arraste o mouse para criar um elemento com tamanho personalizado. Alguns elementos têm uma largura fixa de inserção. Nesse caso, você só pode alterar a altura. Você pode alterar o tamanho do elemento mais tarde.

Ao inserir ou redimensionar um elemento, você notará que ele se ajustará a certas posições.

Ajustamento de elementos inteligentes em gráficos do think-cell durante
inserções Ajustamento de elementos inteligentes em gráficos do think-cell durante
redimensionamentos

O comportamento do ajustamento serve para:

  • Com o ajustamento, os objetos podem ser alinhados de forma rápida e fácil. O destaque de uma borda de algum outro objeto no slide indica que o elemento que você está movendo está atualmente alinhado àquele objeto.
  • Quando redimensionados, alguns elementos se ajustam a um tamanho predefinido determinado automaticamente e preferencial. No caso de um gráfico de colunas, por exemplo, sua largura preferida depende do número de colunas. Se você alterou manualmente o tamanho de um elemento, é possível retornar à largura padrão facilmente. Ele se ajustará quando você se aproximar suficientemente do padrão durante o ajuste de largura com o mouse.

Assim como no PowerPoint, você pode manter a tecla Alt pressionada para mover o mouse livremente sem ajustamentos.

3.3 Girar e inverter elementos

Os pequenos marcadores em volta do pentágono/divisa e dos símbolos dos gráficos empilhado, agrupado, 100%, de linha, área, em cascata e Mekko no menu Elementos permitem que você insira versões invertidas (e, se aplicável, rotacionadas) desses elementos.

A maioria dos elementos também pode ser girada após a inserção usando um suporte de rotação. Basta selecionar o elemento e arrastar o suporte de rotação até a posição desejada: Clique com o botão esquerdo do mouse no suporte de rotação e, enquanto pressiona o botão, arraste o suporte para uma das quatro posições possíveis destacadas e solte o botão.

Girar e inverter gráficos no think-cell

3.4 Redimensionar elementos

Quando um elemento é selecionado, os suportes de redimensionamento são exibidos nos cantos e no centro das linhas de limite. Para redimensionar um elemento, arraste um dos suportes.

Você também pode definir dois ou mais elementos à mesma largura ou altura. Isso também funciona se você incluir formas do PowerPoint na sua seleção. Primeiro, selecione todos os objetos que você deseja definir com a mesma largura ou altura (consulte Seleção múltipla). A seguir, escolha image Mesma altura ou image Mesma largura no menu de contexto de um elemento incluído na seleção. Todos os objetos serão redimensionados com a mesma altura ou largura, respectivamente.

redimensionar elementos no think-cell

A altura ou largura de todos os elementos é definida pelo elemento individual que tiver a maior altura ou largura.

3.5 Selecionar elementos e recursos

Os elementos do think-cell geralmente contêm partes selecionáveis individualmente, chamados de recursos. Por exemplo, um elemento do gráfico consiste em segmentos que correspondem aos valores na planilha e também pode conter rótulos, eixos, setas comparativas, conectores e mais.

Você pode distinguir um recurso pelo quadro laranja que aparece quando o ponteiro do mouse está sobre ele. Quando você clica nele, o quadro torna-se azul para marcá-lo como sendo o recurso atualmente selecionado. Além disso, pode aparecer uma barra de ferramentas flutuante. Ela contém um conjunto de controles de propriedades que podem ser usadas para dar uma aparência diferente ao recurso. É uma boa ideia explorar um elemento recentemente inserido para ter uma visão geral dos recursos de que é feito e suas propriedades.

Quando você clica com o botão direito do mouse em um recurso, o menu de contexto aparece. Use-o para adicionar recursos adicionais ao elemento ou remova os que estão visíveis atualmente.

menu de conectores do think-cell

Botões cujas funções estão indisponíveis para a seleção atual acinzentada. O menu de contexto do elemento completo é invocado clicando-se com o botão direito do mouse no plano de fundo do elemento.

Os recursos sempre pertencem ao elemento respectivo e pode ter outros recursos por si só. Como exemplo, o eixo vertical de um gráfico de linhas é um recurso em si mesmo, enquanto as marcas ao longo do eixo são recursos do eixo. Sendo assim, você utiliza o menu de contexto do gráfico para ativar ou desativar o eixo vertical e o menu de contexto do eixo para alternar a exibição das marcas.

Existem várias formas de remover um recurso:

  • Clique com o botão esquerdo do mouse no recurso para selecioná-lo e pressione a tecla Delete ou no teclado.
  • Clique com o botão direito do mouse no recurso para abrir o menu de contexto do think-cell. Clique no botão image Excluir para remover o recurso do elemento.
  • Abra o menu de contexto do think-cell que você usou para adicionar o recurso. Clique no mesmo botão novamente para removê-lo.

Observação: Não é possível remover dados de segmentos de um elemento do gráfico dessa maneira. Todos os segmentos de dados mostrados são controlados pela planilha de dados interna. Se você excluir uma célula da planilha interna, o segmento dos dados correspondente será removido do elemento do gráfico.

Observação: Os botões que alternam a presença de um recurso (p. ex., se os rótulos de série são mostrados ou não em um gráfico) mudam de estado de forma adequada. Por exemplo, depois de escolher image Adicionar rótulos de série para adicionar rótulos de série em um elemento do gráfico, o botão é alterado para image Remover rótulos de série. Nesta seção, geralmente só é mostrado o estado do botão para adicionar o recurso.

São fornecidas informações detalhadas sobre todos os recursos disponíveis nos capítulos a seguir, acompanhados pelos tipos de elemento a que cada um é aplicável.

3.5.1 Seleção múltipla

Você pode selecionar rapidamente uma variedade de recursos interligados - chamados seleção lógica múltipla. Funciona da mesma forma que os arquivos no Microsoft Windows Explorer: Selecione o primeiro recurso no intervalo desejado com um único clique do botão esquerdo do mouse. A seguir, mantenha pressionada a tecla Shift e clique no último recurso no intervalo. Quando você mover o mouse enquanto mantém pressionada a tecla Shift, o intervalo dos recursos que estará selecionado será destacado de laranja.

Para adicionar recursos únicos na seleção, ou para remover recursos únicos da seleção, mantenha a tecla Ctrl pressionada enquanto clicar. Mais uma vez, é dessa forma que a seleção múltipla de arquivos funciona no Microsoft Windows Explorer.

Usar o teclado para selecionar um intervalo completo também é possível. Selecione um único recurso clicando sobre ele uma vez com o botão esquerdo do mouse e pressione Ctrl+A. Todos os recursos que poderiam ser incluídos em um intervalo junto com o recurso selecionado também são selecionados.

A seleção lógica múltipla é particularmente útil se você desejar colorir uma série completa de dados em um elemento do gráfico, ou se você desejar alterar a formatação de um intervalo de rótulos. Você pode até usar a seleção múltipla para colar texto em vários rótulos de uma só vez (consulte Colar texto em vários rótulos).

3.5.2 Navegação pelo teclado

Em muitos casos, não é necessário usar o mouse para selecionar outros objetos em um slide. Em vez disso, você pode manter a tecla Alt pressionada e usar as teclas de direção para selecionar outro objeto.

  • Quando uma forma do PowerPoint ou um elemento do think-cell é selecionado, a tecla Alt junto com as teclas de direção selecionam a próxima forma que estiver na direção da seta.
  • Quando um recurso do elemento é selecionado, a tecla Alt junto com as teclas de direção selecionam o próximo recurso do mesmo tipo no elemento.

De qualquer forma, você só pode deslocar o foco para recursos do mesmo elemento. Use novamente o mouse para selecionar um recurso de outro elemento.

3.5.3 Panorâmica

Ao editar um slide com uma visualização ampliada (por exemplo, em 400%), geralmente é difícil mover o slide e encontrar a região com a qual você deseja trabalhar a seguir. Com o think-cell instalado, você pode usar o botão do meio do mouse para “fazer uma panorâmica” no slide: Basta segurar o slide com o ponteiro do mouse, clicando com o botão do meio do mouse e movendo para onde você quiser.

Se o seu mouse tiver uma roda em vez de um botão do meio, é possível realizar o mesmo efeito pressionando a roda sem girá-la.

Observação: Você provavelmente sabe que no PowerPoint é possível ampliar ou reduzir a exibição usando a roda do mouse mantendo a tecla Ctrl pressionada. Junto com o recurso de panorâmica do think-cell, usar as visualizações com zoom para o design de slides fica ainda mais rápido e fácil.

3.6 Formatação e estilo

Cada vez que você selecionar um elemento ou recurso clicando sobre ele, pode aparecer uma barra de ferramentas flutuante. Ela contém os controles de propriedade que alteram a aparência do recurso. Só são exibidos na barra de ferramentas flutuante os controles aplicáveis ao recurso selecionado.

Neste capítulo estão descritos alguns tipos gerais de controles. Ao longo dos próximos capítulos, serão fornecidas informações detalhadas para todos os controles de propriedade da barra de ferramentas flutuante no contexto dos elementos específicos e dos tipos de recurso.

3.6.1 Cor e preenchimento

image

O controle de cor é aplicável em recursos que tenham uma cor de preenchimento e em linhas em gráficos de linhas. Não é aplicável em texto, porque a cor do texto e o a cor de fundo do texto sempre são definidas automaticamente.

A lista contém Conforme célula do Excel se Usar o preenchimento do Excel estiver ativado no controle do esquema de cores (consulte Esquema de cores). Para restaurar a cor de preenchimento de um segmento que você coloriu manualmente escolha Como célula do Excel para usar a formatação de célula do Excel.

Se você precisar de outras cores além das fornecidas pelo controle de cor, selecione a opção Personalizar na caixa suspensa. Será exibido um selecionador de cores, onde é possível escolher a cor que você desejar.

Selecionador de cores do think-cell

Observação: Se você desejar aplicar uma cor que não seja branca ou preta, certifique-se de que o controle deslizante do brilho (bem à direita na caixa de diálogo) não está definido como mínimo ou máximo. Quando você move o controle deslizante para cima ou para baixo, é possível observar as alterações da cor no campo colorido na parte inferior da caixa de diálogo.

O think-cell adiciona as cores personalizadas mais usadas recentemente ao controle de cor para um acesso rápido. Você encontrará uma linha divisória na lista das cores mais usadas recentemente: As cores acima da divisória são salvas na apresentação, para que você possa ter certeza de que estarão disponíveis para seus colegas quando eles editarem a apresentação. As cores abaixo da divisória estão disponíveis somente no seu computador, porque você as estava usando em uma apresentação diferente. Ambas as seções podem ter até 8 cores. Quando você utilizar a nona cor personalizada, a primeira será removida da lista.

Você deve usar a propriedade de cor ao destacar segmentos específicos ou uma série em um gráfico. Se você precisar colorir um gráfico inteiro, use a propriedade do esquema de cores.

3.6.2 Esquema de cores

image

O controle do esquema de cores aplica coloração consistente para todos os segmentos de um gráfico, então a primeira série usa a primeira cor do esquema de cores, a segunda série, a segunda cor e assim por diante. O colorido será atualizado automaticamente quando uma série for adicionada ou removida. Consulte a seção Alterar cores e fontes padrão para mais informações.

Quando você assinala Usar o preenchimento do Excel, o think-cell aplica a cor da formatação de célula do Excel no gráfico do PowerPoint. Isso é particularmente conveniente se você desejar controlar as cores do gráfico através da fonte de dados do Excel, no caso de um gráfico vinculado. Por exemplo, a Formatação condicional pode ajudar a colorir valores positivos com verde e valores negativos com vermelho.

Se você ativar Usar preenchimento do Excel na parte superior e a célula correspondente ao segmento de dados não tiver um conjunto de cores de preenchimento da formatação da célula do Excel, então a cor apropriada do esquema de cores atual será aplicada, isto é, a cor de preenchimento do Excel será aplicada na parte superior do esquema de cores.

Observação: Usar a formatação de célula do Excel para definir a cor de preenchimento de um segmento não funciona se as regras de formatação condicional que você usar no Excel tiverem funções ou referências a outras células.

3.6.3 Classificação de segmento

image

O controle de classificação de segmento aplica uma ordem específica para os segmentos em um gráfico. A opção padrão Segmentos na ordem da planilha ordena os segmentos conforme sua ordem de aparecimento na planilha de dados. Se você escolher Segmentos na ordem inversa da planilha, a última série da planilha será exibida na parte superior do gráfico, e a primeira série da planilha, na parte inferior do gráfico.

O think-cell também pode classificar os segmentos em uma categoria baseando-se em seu valor. Segmentos em ordem decrescente classificarão todas as categorias de modo que o maior segmento de cada categoria esteja na linha de base, e irá classificar os demais segmentos em ordem decrescente; Segmentos em ordem crescente exibirão o segmento com menor valor numérico na linha de base. Como consequência da classificação, os segmentos da mesma série de dados, com a mesma cor, aparecerão em diferentes posições e em diferentes categorias.

3.6.4 Classificação de categorias

image

O controle de classificação aplica uma ordem específica às categorias de um gráfico. A opção padrão Categorias na ordem da folha ordena as categorias na mesma ordem em que aparecem na planilha de dados. As categorias em ordem decrescente do ponto Y exibirão a categoria com maior soma de valores em primeiro lugar e, em seguida, classificadas em ordem decrescente. As categorias em ordem crescente do ponto Y exibirão a categoria com menor soma de valores em primeiro lugar e, em seguida, classificadas em ordem crescente.

3.6.5 Tipo de gráfico

image

O controle do tipo de gráfico alterna para um tipo de gráfico diferente para exibir os mesmos dados. Você pode alternar entre gráfico empilhado, agrupado, de área e de linha. Para alternar para um gráfico 100%, você definiria o tipo de eixo para % (consulte Ajustando o tipo de eixo de valor).

3.6.6 Estilo de linha

image

O controle do estilo de linha é aplicável ao contorno dos segmentos dos gráficos de colunas, barras e em pizza, elementos básicos, capítulos de pauta, bem como às linhas nos gráficos de linhas, uma linha de base de gráfico e a linhas de valores (consulte Linha de valor). Também é possível alterar a aparência de um conector usando o controle do estilo de linha. Além disso, o contorno da área de plotagem em todos os gráficos pode ser especificado usando o controle do estilo de linha.

3.6.7 Cores de contorno

image

É possível alterar a cor de um contorno com esse controle. Funciona em segmentos de gráficos de coluna, barra e em pizza, bem como em elementos básicos e capítulos de pauta.

3.6.8 Esquema de linhas

image

O controle do esquema de linhas especifica a aparência das linhas nos gráficos de linhas. Os esquemas de linha com suporte aplicam os estilos de linha e coloridos de forma consistente em todas as linhas do gráfico. Você também pode escolher esquemas de linhas que destaquem os pontos de dados ao longo das linhas com marcadores.

3.6.9 Forma do marcador

image

O controle da forma do marcador pode ser usado para adicionar ou alterar marcadores de pontos de dados em gráficos de dispersão e de linha. Observe que o controle do esquema do marcador deve ser usado no lugar das formas do marcador para adicionar marcadores a todos os pontos de dados em um gráfico de dispersão.

3.6.10 Esquema do marcador

image

O controle de esquema do marcador aplica marcadores consistentes a pontos de dados em gráficos de dispersão. Os marcadores são atualizados automaticamente quando os pontos de dados, grupos e séries são adicionados ou removidos. O controle de esquema do marcador deve ser usado em lugar do controle da forma do marcador ao adicionar marcadores consistentes com os marcadores de todo o gráfico de dispersão.

3.6.11 Alterar cores e fontes padrão

O think-cell pode usar as cores de esquema do PowerPoint para muitos elementos e recursos (p. ex. eixos, textos, setas etc.). Essas cores, assim como as definições das fontes, sempre são retiradas das cores e fontes padrão do seu arquivo de apresentação. Se os padrões estiverem corretamente desenhados, o think-cell irá acompanhar perfeitamente quando você alternar o esquema de cores.

Para ajustar as configurações de fonte padrão, basta alterar o slide mestre da sua apresentação:

1.
Na faixa, vá para Exibição.
2.
No grupo Visualizações mestre, clique em Slide mestre.
3.
No painel da esquerda, onde se encontra o slide mestre e os diferentes layouts com recuo, selecione o slide mestre. Observe que, ao abrir a visualização do slide mestre, o tipo de layout do slide atual será selecionado, então você precisa rolar para a parte superior e selecionar o slide mestre sem recuo.
4.
Ajuste as fontes ao estilo do corpo de texto para corresponder ao seu design corporativo.

Para ajustar a configuração de cores padrão, basta mudar o esquema de cores da sua apresentação navegando até as configurações do esquema de cores e ajustar as cores para coincidir com o seu design corporativo.

Para Office 2007 e 2010:

1.
Na faixa, vá para Design.
2.
No grupo Temas, clique em Cores.
3.
Na lista suspensa, escolha Criar novas cores de temas...

Para o Office 2013 e versões mais recentes:

1.
Na faixa, vá para Design.
2.
No grupo Variantes, clique no botão de download no botão à direita.
3.
Na lista suspensa, selecione Cores, então Personalizar cores...

De forma geral, é recomendável armazenar esses padrões em um arquivo modelo do PowerPoint (*.potx) e fazer todas as apresentações novas derivarem desse modelo. Consulte a ajuda do PowerPoint para obter informações sobre este procedimento.